Vereadores devem aprovar amanhã o decreto que suspende reajuste da passagem

Robson Carvalho e Sandro Pimentel entre os estudantes em protesto na Câmara (José Aldenir)
A proposta de decreto legislativo, de autoria do vereador Sandro Pimentel (PSOL), que suspende o reajuste da passagem de ônibus em Natal, foi lido na manhã desta terça-feira, 22, no plenário da Casa e a expectativa é que ele já seja votado e aprovado na sessão seguinte, prevista para acontecer nesta quarta-feira, 23. A previsão é dos vereadores ouvidos pela reportagem do Agora RN. Até o momento, o requerimento que colocaria a votação do projeto em regime de urgência já conta com 12 assinaturas e são necessárias mais 7 para que o decreto tramite nessa condição.

E caso isso não ocorra, o vereador Sandro Pimentel afirma que a previsão é que o decreto só volte a ser discutido em duas semanas, pelo menos. “Se não foi assim, vai para a Comissão de Constituição e Justiça e daqui que volte ao plenário, será necessário, pelo menos, mais 15 dias”, afirmou o parlamentar do PSOL.

No entanto, a previsão é que isso não ocorra, visto que o decreto legislativo tem apoio entre os vereadores de oposição e situação. “Já temos 12 assinaturas pelo regime de urgência e acredito que teremos sim os 20. A Câmara está consciente que não foi ouvida nesse caso e que, por isso, o reajuste não é correto”, afirmou o vereador Robson Carvalho, do PMB.

Pela manhã, um grupo de estudantes realizou um protesto em frente a Prefeitura de Natal e saíram em caminhada até a Câmara Municipal, onde foram recebidos por alguns parlamentares, como Sandro Pimentel e Robson Carvalho.

Por Ciro Marques
Via Na Ficha da Polícia RN https://ift.tt/2pFbs82
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário