Policial Militar que matou advogada em Santo Antônio é expulso da corporação

Resultado de imagem para O policial militar Gleyson Alex Araújo Galvão
O policial militar Gleyson Alex Araújo Galvão, que foi condenado a 20 anos de prisão pela morte da advogada Vanessa Ricarda de Medeiros, foi expulso da corporação. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (09). A exclusão foi dada mediante decisão judicial.

A decisão foi tomada após a consideração do parecer Nº 1.114/2018 pela Assessoria Jurídica do Comando Geral da Polícia Militar. O ex-policial deverá devolver o fardamento e identidade militar para a Diretoria de Apoio Logístico da Corporação (DAL) dentro de cinco dias úteis após a publicação desta quinta.

Após a exclusão, a Polícia Militar ficará a cargo de informar a juíza da Comarca de Santo Antônio, Maria de Melo Martins Almeida, para mostrar o cumprimento da decisão. O policial estava custodiado no Batalhão da PM da zona norte de Natal. Ele estava preso desde a época em que ocorreu o crime, em 2013, e ainda divulgou vídeos fora da prisão durante o período que antecedeu o julgamento.

Gleyson Alex foi condenado por homicídio triplamente qualificado, já que a morte ocorreu por motivo fútil, de forma cruel e sem possibilidade de defesa por parte da vítima. Via Na Ficha da Polícia RN https://ift.tt/2pFbs82
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário