Polícia Civil descarta latrocínio no caso da morte de funcionário da Caern

A Polícia Civil descartou a possibilidade de latrocínio no assassinato do servidor público Marcos Braga Ponte, de 60 anos, que foi encontrado morto na última sexta-feira, 21, no bairro Guarapes, na Zona Oeste da capital.

O empresário foi sequestrado por criminosos quando saía de um bar onde bebia com amigos no Alecrim, mas seus pertences não foram levados.

Segundo informações da Divisão Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), uma linha de investigação deve começar a ser traçada após depoimentos de testemunhas e familiares começarem a ser colhidos. No entanto, o latrocínio foi descartado, em razão de todos os pertences terem sido encontrados com Marcos Ponte.

Segundo a Polícia Civil, o corpo de Marcos Ponte foi encontrado uma hora depois do registro do sequestro em uma estrada de terra no bairro do Guarapes. Ele tinha marcas de bala na cabeça e no tórax. Com a ajuda das imagens, agora tenta identificar os criminosos.

Agora RN Via Na Ficha da Polícia RN https://ift.tt/2pFbs82
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário