Não é feitiçaria, é tecnologia: McDonald´s quer prever os seus pedidos com inteligência artificial

Se você, como eu, ainda fica boquiaberto diante das muitas novas invenções deste admirável mundo novo, fique com mais essa: O McDonald’s pretende, no futuro, identificar o seu pedido antes mesmo que você o verbalize. E não se trata de feitiçaria, é tecnologia!

Esta foi uma das novidades anunciadas recentemente pela maior rede de fast food do mundo. 700 lanchonetes já estão equipadas com quiosques de autoatendimento que utilizam inteligência artificial capazes de sugerir opções do cardápio de acordo com variáveis como o dia da semana, a hora do dia, o clima ou mesmo as tendências de consumo. Já achei uma ótima pedida para geminianos, que, bem sabemos, sofrem para fazer uma escolha.

O sistema atua a partir do levantamento de dados dos mais variados sobre o comportamento e as escolhas de seus clientes. E já há quem aposte que, no futuro, a inteligência artificial será capaz de substituir os serviços humanos mesmo para sugestão de produtos e orientação na hora de consumir. E confesso que a perspectiva me deixa um pouco melancólico, afinal, já faz parte da experiência de ir a um McDonald’s, ouvir a/o atendente preferindo a famigerada frase: “Mais um real batata grande?”

O empenho do McDonald’s nessa empreitada é tão forte que a rede de fast food comprou a empresa israelense Dynamic Yeld, especializada em interação digital a partir da gerência de bancos de dados. A empresa custou 300 milhões de dólares aos cofres do McDonald’s. A novidade ainda funciona em caráter experimental, mas a ideia é que muito em breve seja expandida para os drive-thrus e para filiais da rede ao redor do mundo.

E você, o que acha do novo sistema autoatendimento do McDonald´s, facilidade ou induz de consumo?


Com informações de Hypeness

CONTI OUTRA


source http://www.diariopotiguar.com.br/2019/05/nao-e-feiticaria-e-tecnologia-mcdonalds.html
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário